Portcom

JORNAL INTERCOM
Jornal semanal da Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação

Ano 5, nº 135, São Paulo – SP – Brasil 25 de maio de 2009
ISSN 1982-372X

Sumário desta edição
Outras edições

 

Destaque

GP Gêneros Jornalísticos reforça chamada de trabalhos para congresso da Intercom

O Grupo de Pesquisa sobre Gêneros Jornalísticos, mantido pela INTERCOM, em parceria com a Universidade Metodista de São Paulo, solicita aos sócios da entidade que submetam relatos de investigações a respeito do tema para serem apresentados durante o 32º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, que será realizado no próximo mês de setembro, em Curitiba (PR).

O prazo para submissão termina no dia 30 de junho. É importante ficar atento, também, para o pagamento da taxa de inscrição, que deve ser feito até o dia 25 de junho.

Para o congresso de Curitiba, as comunicações científicas devem consolidar o inventário de estudos e pesquisas sobre gêneros jornalísticos na academia brasileira, especialmente nas instituições a que se vinculam os membros do GP.

Recomenda-se que os proponentes de comunicações contribuam com relatos críticos do que se publicou em livros, revistas ou literatura cinzenta (papers em congressos e seminários), teses de pós-graduação, monografias de graduação e outras fontes. Além disso, serão bem-vindos os relatos de pesquisas concluídas recentemente.

Grupo de PesquisaSob a liderança do prof. José Marques de Melo, o GP Gêneros Jornalísticos foi criado pela Intercom, no início de 2009, dentro da Divisão Temática 1 (DT-1), que corresponde às linhas de investigação sobre Jornalismo.

Suas metas foram estruturadas em função de três objetivos: 1) Observar sistematicamente a natureza dos gêneros jornalísticos cultivados pela mídia brasileira, disseminando estudos que possam suscitar o diálogo com os seus produtores e usuários; 2) Elaborar material didático sobre gêneros jornalísticos para uso nas universidades e escolas de segundo grau de todo o país. e 3) Manter permanente diálogo com os membros da comunidade acadêmica mundial que se dedicam ao estudo desse objeto.

As pesquisas focalizam quatro categorias midiáticas: 1) Gêneros no jornalismo impresso; 2) Gêneros no radiojornalismo; 3) Gêneros no telejornalismo; 4) Gêneros no ciberjornalismo.

Integrado por doutores, mestres, graduados e graduandos de instituições de ensino superior do Brasil que possuem interesse em investigar as características do jornalismo brasileiro no limiar do século 21, o Grupo é composto por 26 pesquisadores, atuantes em quatro regiões do País (Nordeste, Centro-Oeste, Sudeste e Sul). O GP está aberto a novas adesões.

Dúvidas e outras solicitações podem ser encaminhadas ao secretário executivo do GP, Francisco de Assis, pelo e-mail francisco@assis.jor.br